divorcio

O papel da Mediação Familiar em casos de divórcio

Um conflito familiar é uma situação que afeta a todos da família. Enfrentar o divórcio não é fácil para um casal. Desgaste emocional, planos, sonhos que estavam envolvidos. Com a presença dos filhos, a situação se agrava, pois sentem a perda da família. 

Para lidar com esse tipo de situação é aconselhada a mediação familiar. Nela, são tratados de assuntos como adoção, pensão, guarda dos filhos, herança, separação, divórcio entre outros problemas relacionados à família. 

Na mediação, o problema é resolvido pelas partes, não por processo judicial. É um método prático e simples de tratar conflitos com diálogo e de maneira amigável. Porém, quando envolve a separação, muitos casais não sabem das vantagens oferecidas pela mediação, que evitam as brigas judiciais.
 

Mediação Familiar e o Divórcio

A união se justifica com a presença de afeto, vontade de viver junto, diálogo, entre outros elementos. Quando há falta de alguns destes, um caminho escolhido pelos casais é a separação. Porém, quando as partes não conseguem resolver sozinhas e sem brigas, podem optar pela mediação. 

Para a mediação ser realizada, uma das partes deve ter certeza da separação. Nela, ocorre uma conversa entre o casal e o mediador. Esse método sigiloso permite restabelecer o diálogo entre as partes. Além disso, busca a melhor solução do conflito, para que os envolvidos construam com o tempo um acordo.

Na mediação, a intervenção de uma terceira pessoa é escolhida pelas partes. O mediador, figura imparcial que não emite opiniões. É ele que busca maneiras criativas para reatar o diálogo e evitar que as questões emocionais atrapalhem o processo de separação.

No processo, é papel do mediador buscar alternativas para resolver o problema. Mesmo que o casal não queira se encontrar, cabe ao mediador fazer a ponte na busca por soluções que sejam de interesse conjunto. É o mediador que escuta, orienta e evita que o emocional das partes atrapalhe o processo de divórcio. É papel do mediador transformar a briga em diálogo. Com isso, ele busca compreensão entre as partes. Dentre as vantagens possibilitadas pela mediação estão:

·        Liberdade na escolha

A mediação não precisa ocorrer necessariamente no começo do processo. Ela pode ocorrer a qualquer momento, basta o interesse das partes. 

·       Rapidez na resolução do conflito

Na mediação familiar, o problema pode ser resolvido de maneira rápida. Diferente de um processo judicial que duraria anos.

·       Partes que tomam a decisão

As partes são as protagonistas. Elas que decidem pela mediação, e também, cabe a elas chegar a um acordo.

·       Soluções através do diálogo

Na mediação, o mediador constrói com as partes um ambiente amigável, para que possam resolver o conflito com diálogo e respeito.


·         Economia

Por dispensar os trâmites judiciais e o tempo de espera para um acordo, o processo se torna mais barato.

·         Método que ameniza desgaste emocional

É papel da mediação reatar a comunicação e os laços que foram perdidos com a situação. Com esse método, é evitado o aumento do desgaste emocional. 

Mediação Familiar x Terapia

A mediação familiar pode ser confundida com a terapia.  A mediação utiliza de aspectos terapêuticos, mas não é terapia. Quando há a necessidade, o mediador encaminha o problema para um profissional capacitado, com o consentimento dos envolvidos.

Mediação Familiar Online 

Um conflito familiar desgasta emocionalmente os envolvidos. A mediação é uma opção simples e rápida para resolver problemas. Uma das vantagens da mediação é que pode ser realizada online. 

Por esse meio, é possível evitar desconfortos entre as partes. Já que a mediação online pode ser realizada em qualquer lugar. Não sendo necessária a presença das partes no mesmo local.

Por meio de plataforma online, o mediador, figura capacitada e imparcial cria um ambiente acolhedor para os envolvidos. Nele, o mediador auxilia na construção do diálogo, resolução dos problemas e melhores opções na solução do conflito. O foco, é que se chegue a uma conclusão que seja de interesse conjunto. 

Pelos motivos descritos, a mediação demonstra ser um dos caminhos para que se chegue a um acordo da melhor maneira possível, priorizando as pessoas.

 O IMAP é especialista em resolução de conflitos através da mediação. Para mais informações, entre em contato.

Deseja compartilhar o artigo?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp