imap-blog-escolar

Mediação Escolar: o que é, por que e como utilizar

Com os avanços tecnológicos, o contato frente a frente perde espaço. Em meio a modernização, o âmbito jurídico também evolui. Neste contexto, surgem novas práticas como solução de diferentes conflitos. Um exemplo é a mediação, que pode ser usada em muitos âmbitos, dentre eles, o escolar.

No ambiente escolar, também podem surgir desavenças. Seja com alunos, profissionais da escola ou pais. São situações de diferentes espécies, que envolvem problemas de todos os níveis. Bullying, indisciplina, violência, discussões, desavenças, vandalismo, evasão escolar, depressão infantil, entre outros. Para resolver conflitos como esses, a mediação é indicada pois busca restaurar a harmonia por meio do diálogo.  

O que é a Mediação Escolar?

A mediação escolar é uma prática que utiliza técnicas da mediação para resolver conflitos na escola. Esse método abrange a instituição como um todo. É através da mediação que problemas são resolvidos de forma amigável por meio do diálogo e respeito.

Na escola, diariamente podem surgir divergências dos mais variados tipos. Problemas que afetam não somente aos envolvidos, mas aos outros que também estão no mesmo ambiente.  A necessidade de entender o próximo, construir um diálogo e manter o respeito é essencial. São nessas situações que a mediação escolar atua.

É papel da mediação garantir que sejam restauradas a comunicação com as partes e que elas cheguem a um acordo de interesse mútuo perante o problema. Além disso, construir com diálogo e respeito o entendimento ao próximo e suas individualidades.

É essa prática que muda o ambiente hostil que se instala na escola após algum conflito. Porém, logo podem surgir dúvidas de quais os benefícios deste método. Dentre eles, estão:

·         Construção do diálogo e respeito;

·         Aprendizado;

·         Protagonismo das partes;

·         Melhora na relação;

·         Ensinamento sem sermões;

·         Prevenção de futuros conflitos;

·         Empatia;

·         Cultura de paz;

·         Ambiente amigável;

·         Convivência em comunidade;

·         Cooperação;

·         Caráter pedagógico.

Como funciona a Mediação Escolar

A mediação escolar garante a pacificação na instituição de ensino. Além disso, ajuda a construir a democracia com os envolvidos. Nela, é realizada uma orientação com as partes, que ficam responsáveis de gerir os conflitos.

Na mediação, as partes aprendem a administrar e solucionar as divergências de forma amigável e respeitosa. Nessa prática, o protagonismo fica com as partes que constroem uma solução positiva e de interesse recíproco.

A mediação pode ser feita com o auxílio do mediador, profissional especializado e neutro que pode ser contratado pela escola ou pelos pais. É papel do mediador auxiliar os alunos no comportamento e desenvolvimento escolar e pessoal. 

O mediador pode também ser contratado para acompanhar e orientar o ensino de crianças e adolescentes com alguma deficiência.  Além disso, a mediação também pode ser realizada por alunos e profissionais da escola.

Existem diversos tipos de categorias de mediação escolar, onde não é necessária a presença de um mediador, entre elas a capacitação dos alunos para atuar como mediadores. Nesta categoria há o treinamento do estudante, que ajudam os demais alunos nos conflitos.

Outra categoria são os círculos restaurativos, onde a comunidade, juntamente com o quadro escolar, busca soluções para os problemas escolares pelo diálogo. O que demonstra que a mediação em todas as formas, mostra-se ferramenta importante para a construção do diálogo e empatia em sociedade.

O IMAP é especialista em resolução de conflitos através da mediação. Para mais informações, fale conosco. 

Deseja compartilhar o artigo?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp